19.02.2015

As raízes musicais de Miley Cyrus estão no country/rock (como sua madrinha Dolly Parton e seu pai Billy Ray Cyrus), logo, não foi grande surpresa ver seu cover de Paul Simone50 Ways To Leave Your Lover” durante o especial de 40 anos do SNL neste final de semana.

Mas com o grau que ela alcançou cantando, vimos uma autenticidade que geralmente falta em suas performances pop, nos lembrando de uma coisa: esse é o tipo de música que ela deveria estar cantando!

Miley não desapareceu realmente no cenário country, mas faz alguns anos desde que ela estava realmente empenhada nisso; teve um tempo não tão distante que ela até apareceu no Country Music Awards e até fez uma performance lá. Cyrus considerou seu álbum Bangerz uma mistura de hip-hop com country, mas muitos não devem saber ou perceber que Miley tem tentado misturar esses dois gêneros desde os tempos de Hannah Montana: O Filme.

Agora, mais do que nunca, parece muito provável que num período próximo ela voltará à música que rodeava-nos na época de Hannah Montana – menos pop e mais o tipo de música que fez com seu pai. (Ok, não Butterfly Fly Away, que é um lixo, mas sua voz mesmo jovem tinha uma qualidade muito legal – grave mas rouca). Essa não foi a única música dos dois. Ready, Set, Don’t Go alcançou as paradas do country.

Enquanto os músicos de hoje em dia (Taylor Swift como principal exemplo) geralmente vão do country para o pop, Mike Will disse que o próximo álbum de Miley “vai soar como o country de Lana Del Rey com um coral, exceto pelo fato de que é Miley expondo seu coração”. Seu Backyard Sessions é muito popular por essa razão: ela fez um cover de Melanie SafkaLook What They’ve Done To My Song“, “Jolene” de Parton e Lilac Wine.

Mas ela estava usando bem sua voz em materiais decentes bem antes disso, quando ela fez o cover de Bob DylanYou’re Gonna Make Me Lonesome When You Go“.

Ou ainda, de modo triste, no cover de PoisonEvery Rose Has It’s Thorn“.

Miley também fez o cover de Fleetwood MacLandslide” por anos, mesmo quando sua música e estilo mudaram. Mas ontem o quanto sua voz ficou mais forte deixa claro: ela definitivamente tem trabalhado seus vocais.

Quando gravou o Unplugged para a MTV, seu gosto por country foi mostrado com força total, com suas roupas e a escolha das músicas. Miley repetiu Jolene, mas também fez uma versão mais fanhosa de Wrecking Ball. Até seu mashup com Madonna de Don’t Tell Me (uma música e vídeo pop que encontra batidas do country) com We Can’t Stop fala por si.

Não sei se vocês sabem disso ou não, mas eu sou de Nashville e já que não posso levar vocês de volta para casa comigo, eu tentei trazer Nashville pra cá esta noite“, Cyrus disse antes de cantar Get It Right. “Então estou tentando levar vocês ao espírito country“.

Mas realmente foi sua performance de 50 Ways no SNL que nos levou para casa: essa é a música que Miley deveria estar fazendo. 50 Ways não é nem uma música country, mas Miley fez isso provando que talvez esse é o futuro que a aguarda: Fazer música decente ao invés de muitas produções e outras coisas que ela tem feito nos últimos anos.

Mal podemos esperar!

Fonte: The Muse | Tradução: Débora Brotto – Equipe MCBR


Publicada por: Miley Cyrus Brasil

Deprecated: WP_Query foi chamado com um argumento que está obsoleto desde a versão 3.1.0! caller_get_posts está depreciado. Utilize ignore_sticky_posts no lugar. in /home/mileybr/public_html/wp-includes/functions.php on line 5062
relacionado
27.11.2020
relacionado
26.11.2020
relacionado
24.11.2020
relacionado
24.11.2020
comente a postagem!