03.09.2015

mcahdp

Até agora, todos já devem ter ouvido falar que a anfitriã do MTV Video Music Awards, Miley Cyrus, usou a aparição muito pública para anunciar o lançamento surpresa de seu álbum gratuito. Na noite que todos viram a inimizade da pop star com Nicki Minaj, e a mesma estava vestindo alguns dos figurinos mais reveladores e ridículos já vistos numa cerimonia de premiação (e que está realmente dizendo alguma coisa), sua performance de encerramento e o lançamento do álbum foram, facilmente, as maiores manchetes da noite. Fazer publicidade é ótimo, mas é realmente ruim dar um álbum inteiro de graça? Miley está em uma indústria onde é preciso lutar para sobreviver, e cada cópia vendida conta. Então, isso foi uma boa ideia da parte dela?

Sim, isso foi, e aqui está o por quê.

O álbum gratuito da cantora, curiosamente intitulado “Miley Cyrus and her Dead Petz”, permitiu que ela fosse para fora de uma tangente artística,  o que ela claramente queria fazer. Cyrus tem sido clara sobre querer ser mais experimental por algum tempo agora, e este projeto de mixtape-style gratuito é exatamente o que ela precisava. Mesmo que ela nunca faça um dólar com o lançamento, isso foi um bom investimento, pois é a ruptura do pop que ela precisava.

Aparentemente, o álbum custou à Miley apenas 50 mil dólares para ser feito, o que não é muito quando isso vem de uma pop star global. Não só foi o disco relativamente barato, como também sua gravadora, RCA, não colocou uma moeda na realização. Em fato, Miley disse que ninguém na empresa teve conhecimento do álbum até que ele estivesse pronto. Tendo Miley escrito, gravado, e lançado o projeto,  custou a gravadora nada além de tempo, e ela é bastante produtiva.

Executivos da RCA foram espertos em deixá-la dar o “Miley Cyrus and her Dead Petz” de graça. O disco, certamente, não é ruim, mas não há nada comercial sobre ele (esse era o ponto). Se Miley tivesse insistido em ter isso para servir e seguir o sucesso de Bangerz, isso provavelmente teria falhado, embora a empresa tivesse que gastar milhões divulgando. Não há um hit de rádios à caminho neste álbum, e também está longe de ser amado por sua base de fãs. Miley é mais valorizada pele RCA como uma pop star, e agora que ela tem tempo para trabalhar em seu próprio projeto, ela provavelmente irá se voltar para seu próximo e verdadeiro álbum, o qual é uma dívida em qualquer ponto.

Não só o “Dead Petz” concede à Miley a liberdade artística que qualquer inventor estaria procurando, mas como também mantem o nome dela na imprensa e garante que seus fãs estejam satisfeitos. Aqueles que tem esperado por uma nova música pode ser que não estejam apaixonados com essa coleção do Soundcloud, mas ninguém pode discutir que as 23 faixas gratuitas são um negócio ruim. O mundo do hip-hop tem usado esse marketing por décadas, e agora Miley têm utilizado (ainda outra) sugestão dos sucessos deles.

Agora, a RCA Records deve estar entusiasmada com como isso tudo está soando. Uma de suas maiores artistas deu à todos os fãs dela um enorme presente, e isso não os custou nenhum precioso recurso. Enquanto ela está normalmente bastante consistente com os lançamentos dela, será interessante ver quanto tempo Miley leva para dar a volta e lançar um novo single que as pessoas – e não só apenas aqueles que são grandes fãs dos Flaming Lips – possam realmente deixar isso para trás.

Fonte


Publicada por: Elton Junior
relacionado
17.10.2020
relacionado
10.08.2020
relacionado
23.07.2020
relacionado
09.07.2020
comente a postagem!