21.09.2016

Depois de sua poderosa estréia na noite de segunda-feira durante a abertura da 11ª temporada de “The Voice” no NBC, a nova técnica Miley Cyrus já potencializou-se como uma força a ser reconhecida na competição musical bianual. Sua brilhante entrada veio junto com a do veterano Adam Levine e sua amiga também novata, Alicia Keys, tudo ao mesmo tempo trazendo uma atitude autêntica e original, além de novas perspectivas para o show de longa duração.

Para marcar a sua estréia, a Billboard fez uma playlist com músicas da discografia de Cyrus, que seria ideal para encorajar e inspirar o seu time a chegar com toda a garra até a final da temporada.

1)“Dooo It!”

A faixa principal de seu álbum rebelde de 2015, Miley Cyrus and Her Dead Petz, um projeto que teve a colaboração de Wayne Coyne da banda The Flaming Lips, “Dooo It!” mostra Cyrus com uma atitude do tipo “Eu não dou a mínima”, a qual (esperançosamente) irá passar para os competidores, na tentativa de quebrar o molde clássico e tradicional, e impressionar os espectadores.

2)“Wrecking Ball”

Uma das faixas favoritas para um concorrente executar no show, e o  maior sucesso de Cyrus até então, “Wrecking Ball” pode  ser um perfeito hino para inspirar o seu time a chegar até o topo – e com a sua irresistível pegada de “Eu vim como uma bola de demolição”, eles já têm o slogan perfeitamente adequado da equipe.

3)“The Climb”

“Eu quase consigo ver isso. O sonho que estou snhando, mas tem uma voz dentro da minha cabeça dizendo, ‘Você nunca conseguirá isso.’” Cyrus cantarolou o trecho inicial dessa música, a qual ganhou destaque na trilha sonora de 2009 com Hannah Montana: O Filme. Uma música perfeita para cantar com o seu time, isso prova que a persistência é fundamental para o sucesso – seja ganhar ou perder, é a experiência que conta, assim como ela mesma diz no refrão, “Não é sobre quão rápido eu chego lá, não é sobre o que está me esperando no outro lado. É sobre a escalada.”

4)“The Time of Our Lives”

Uma jóia rara na carreira de Cyrus, esse pop eufórico irá injetar um senso de esperança nos concorrentes. Por outro lado, essa canção também irá recordá-los de sua evolução e reinvenção durante os últimos sete anos como estrela pop – é importante que eles considerem que toda essa transformação ocorreu depois de quebrar completamente com uma competição real.

5)“Can’t Be Tamed”

Cyrus revelou recentemente que foi Pharrell quem a incentivou a participar do evento da NBC, depois de ele ter dito que os chefes do estúdio não iriam tentar controlar como ela lideraria o seu time. E qual seria a melhor forma de passar esse mesmo espírito para os concorrentes do que essa poderosa faixa de 2010, a qual o vídeoclipe apresenta Miley Cyrus (como um pássaro) quebrando a sua gaiola.

6)“We Can’t Stop”

O primeiro de sucesso do álbum Bangerz de 2013 irá com certeza ajudar o #TimeMiley na, sua busca para se envolverem nas coreografias durante as performances, assim como o videoclipe (e a sua performance infame durante a apresentação do VMAs ao lado de Robin Thicke) demonstram vários exemplos do “Twerk” ao estilo de Miley Cyrus (embora estamos torcendo para que os dedos de espuma sejam evitados).

7)“Twinkle Song”

Essa música impressionante tocada no piano, do último álbum da cantora Miley Cyrus and Her Dead Petz configura-a como uma perfeita canção de ninar para colocar todos os concorrentes na cama bem cedo antes das performances. Além disso – se nós formos sortudos – pelo menos um deles irá tocar o grande piano (como o usado durante a sua performance SNL) durante o final da cerimônia.

Fonte | Traduzido por Mayara Ribeiro – Equipe MCBR


Publicada por: Miley Cyrus Brasil
relacionado
17.10.2020
relacionado
10.08.2020
relacionado
23.07.2020
relacionado
09.07.2020
comente a postagem!